Início > Educação, Metodologias Ágeis > Formação de Grupos de Estudos e Técnica do Pomodoro

Formação de Grupos de Estudos e Técnica do Pomodoro

Estou certo da importância da formação de grupos de estudos!!! Tenho observado que quem participa normalmente evolui bem mais rápido que os demais. Eu mesmo tenho participado de alguns e percebo o quanto vale a pena. Sem os grupos, os estudos terminam sendo mais árduos e muitas vezes não atingem os objetivos esperados. Nos grupos trocamos idéias e problemas complicados terminam ficando mais compreensíveis. Além disso, o estudo em grupo ainda ajuda a estreitar os laços de amizade, desenvolver a cooperação e capacidade de comunicação. Também nos ajuda a trabalhar em equipe.

Só sugiro que os grupos sejam pequenos e que realmente sejam bem focados em exercícios ou atividades práticas para não dispersar. Outra questão importante: para que todos se beneficiem é necessário que todos participem ativamente, pois quem assume uma posição de passividade, termina não aproveitando os benefícios de estudar em grupo.

Uma metodologia que tem funcionado bem nos grupos que participo:

  • Ao se reunir em grupo para resolver questões é interessante que todos já tenham estudado a teoria sozinhos. Se isso não tiver ocorrido, alguém que domina mais o assunto, faz um resumo geral da matéria que será abordada nos exercícios. Esse resumo também pode ser feito quando todos já estudaram a matéria a fim de “aquecer” o grupo. Durante o resumo, pode-se questionar e tirar dúvidas para que tudo fique claro para todos.
  • Usar quadro, pincel e apagador para resolver os exercícios a fim de que todos possam ver e comentar. O resumo também pode feito usando o quadro.
  • Revezamento de pessoas resolvendo as questões. Cada pessoa resolve um pouco do exercício e todos terminam participando. Isso parece com um DOJO, não acham? Ou seja: é interessante que não fique tudo nas mãos de um “sabe tudo”.
  • Se o grupo ainda estiver se dispersando, analisar o problema e corrigi-lo. Pode-se dividir o grupo em dois (diminuir o grupo) ou evitar conversas paralelas enquanto alguém estiver explicando algo para todos.

Outra dica para quem tem dificuldade em focar suas atividades e aproveitar melhor o tempo é a técnica do POMODORO.

Eu estou usando e noto o quanto ela é eficaz.
O objetivo dela é reduzir a ansiedade e melhorar a concentração.
A técnica foi desenvolvida por um italiano que estava tendo dificuldade em organizar seu tempo e seus estudos.
O Pomodoro também pode ser usado nos estudos em grupo e não apenas individualmente.
Ela também tem sido usada em equipes de desenvolvimento e mesmo por desenvolvedores que trabalham sozinhos.
O site oficial é: http://www.pomodorotechnique.com/
Livro gratuito em PDF escrito pelo próprio criador da técnica: http://www.pomodorotechnique.com/resources/cirillo/ThePomodoroTechnique_v1-3.pdf

O livro já teve mais de 30.000 downloads somente no primeiro trimestre de 2010!!!

Vejam também:
A Técnica Pomodoro – excelente resumo da técnica em português
The Pomodoro Technique– outro excelente resumo em português com sugestões de softwares para ajudar no uso
Técnica Pomodoro: organize-se e tenha foco
fb – focus booster
– Timer multi-plataforma
PomoDo –  Timer e gerenciador de Pomodoros multi-plataforma
Tomato! – Web Timer

Penso inclusive em ministrar mini-cursos sobre Pomodoro no futuro, pois estou certo de que a técnica pode ajudar muitas pessoas a serem mais disciplinadas e produtivas.

  1. Lucas de Castro
    11/08/2010 às 21:20

    Oi Regis,

    Eu também gostei do Pomodoro, embora eu não tenha usado a técnica como é recomendada — uso apenas o timer. Quando vou programar em casa, o cronômetro regressivo me dá aquela pressão: “Eita, o tempo tá acabando e ainda não desenrolei isso!”, além de me indicar quando estou interrompendo muito meu trabalho com outras atividades. Como eu tenho facilidade de me distrair, inclusive programando coisas que não são importantes naquele momento, a técnica me ajuda a manter o foco no que interessa para o projeto.

    No Ubuntu uso o aplicativo timer-applet. Você tem usado software ou timer de cozinha pra contar o tempo?

    PS: Teu blog tá massa!🙂

    • regispires
      11/08/2010 às 22:31

      Ei, Lucas! Saudades, amigo! Sobre o pomodoro, tenho usado o cronômetro regressivo de um relógio digital de pulso (mas sem pulseira) da Cassio que tenho. O legal dele é que quando ele zera, inicia automaticamente a contagem progressiva. Daí uso essa contagem progressiva para medir o intervalo entre um Pomodoro e outro. Cheguei a usar o Focus Booster (http://www.focusboosterapp.com/), mas terminei achando o relógio mais simples. Quanto aos registros, faço as anotações de tarefas diárias totalmente a lápis em uma folha A4 que dobro ao meio. Uma única folha é suficiente para registrar vários dias de trabalho.

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: